Spice Girls

Link curto: http://melb.us/1vHAUsR    

Spice GirlsPopstars de verdade são mais do que populares; elas são parâmetros de uma era, fornecendo imagens para as memórias de uma determinada era do mundo. Olhando para trás até os anos 60 e vemos aqueles sorrisos Beatles e aquelas roupas monocromáticas. traga a sua mente de volta aos finados anos 90 e são aquelas garotas, aquelas músicas, aqueles vestidos.

Leigos na música poderiam pensar em compará-las aos Fab Four (Quatro Fabulosos), mas todos aqueles bonecos Beatles, calendários Beatles e filmes que fizeram John, Paul, George e Ringo tais como seres onipotentes na década de 60 foram recriados na década de 90 com tanto fervor em torno de Emma, Geri, Mel B, Melanie C e Victoria.

Popstars de verdade podem fazer suas coisas no palco e no estúdio, mas elas também são únicas, divertidas e prendem a atenção do mundo inteiro apenas por serem elas mesmas. Não houveram muitas, mas as Spice Girls se qualificam nisso facilmente.

Elas foram cobertas com as cores da Jack Union assim como os Swinging Sixties (literalmente nas roupas da Geri no BRIT Awards 1997), bem como o que fez a Spice experiência tão especial foi que este era um grupo britânico só de mulheres que haviam se moldado em um fenômeno, através de talento, determinação e a força de cinco personalidades juntas em um pacote irresistível. As meninas as amaram como modelos, mas as Spice converteram até os rapazes à causa pop.

As Spice Girls eram tão legais que todos elas foram nomeadas duas vezes. Avós e adolescentes que não as notaram na primeira vez, ainda podem chamá-las de Baby, Ginger, Scary, Sporty e Posh.

Em julho de 1996, era apenas o começo para nós, chocados ao prestar atenção no apreensivo vídeo de "Wannabe", trazendo a frase "ziga-zig-ah" para a língua inglesa. Para as Garotas, era somente a explosão delas para o olhar público depois de dois anos de trabalho árduo, juntas trabalhando em músicas com os produtores, em rotinas de dança, aperfeiçoando seus instintos naturais para o estrelato.

De repente, "Wannabe" brilhos e trouxe os holofotes à elas, e elas não estavam prestes à deixá-los ir. Essa música se tornou #1 no Reino Unido e em outros 30 países. Ela quebrou recordes na América, onde tornou-se a mais alta estréia no Hot100 por uma banda britânica, ganhando de "I Want to Hold Your Hand" dos Beatles. Os próximos dois singles, "Say You’ll Be There" e "2 Become 1" alcançaram o #1 em 53 países.

Elas foram a banda britânica que vendia discos mais rápido desde os Beatles quando o álbum de estréia, "Spice", foi lançado em novembro de 1996 e foram feitas comparações com os Fab Four em termos de balança comercial e impacto musical. O segundo álbum "Spiceworld" vendeu mais de dez milhões de cópias, trouxe os hits "Spice Up Your Life", "Too Much", "Stop", "Viva Forever" e é óbvio, "Spiceworld: The Movie". O filme seguiu os passos de "Hard Day Night" dos Beatles na cultura pop. Lucrou mais de US$ 100 milhões nos cinemas e vendas de DVDs.

As Spice Girls percorreram o mundo, silenciando críticos cínico por receber grandes elogios pelos seus shows.

Evidentemente, Geri deixou o grupo para seguir o seu próprio destino e as Cinco Fabulosas tornaram-se um quarteto. Mas elas continuaram, tão populares como nunca e lançaram seu terceiro álbum, "Forever", em 2000 antes de continar em caminhos diferentes.

Seu recorde de nove single em #1 no Reino Unido e 55 milhões de discos vendidos é deslumbrante aos padrões deste novo milênio. Suas carreiras solo coletivamente trouxeram números quase tão impressionantes. Ao longo dos últimos sete anos, a mídia mundial tem acompanhado todos os detalhes da vida destas garotas e aquela fome de mais Spice foi gratificamente exibida em 28 de junho de 2007, quando Emma, Geri, Mel B, Melanie C e Victoria chegaram juntas na O2 Arena em Londres para anunciar a sua reunião e turnê.

A mídia global as recebeu bem com afeição óbvia, já que o grupo parecia tão jovem e divertido como eram naquele clipe de "Wannabe" em 1996. A opinião pública estava ainda mais entusiasmada, cadastrando-se para os ingressos no www.thespicegirls.com em massa. 3 milhões registrados em um mês, datas extras foram adicionadas e atenção maciça dos meios de comunicação foi o resultado.